sexta-feira, 21 de setembro de 2007

na bolívia, ano passado...

Em 2006 participei de um curso em Santa Cruz de la Sierra, Bolívia, pela Fundación Nuevo Periodismo Ibero-Americano com o fotógrafo Stephen Ferry, norte-americano e com trabalho desenvolvido sobre a América Latina.

O vírus da raiva estava contaminando em grande número a população do país e foi o tema que escolhi para fotografar. Descobri que o desmatamento naquela área seria um dos prováveis causadores da chegada do vírus na cidade.

Esta foto é de uma menina e sua irmã e um de seus cães, brincando num final de tarde em casa.
Existem muitos cães nas ruas, principalmente na periferia. Crianças e adultos sofrem e choram quando a carrocinha (la garrada) passa e captura os cachorros que estão fora de casa, mas que muitas vezes têm dono. A regra é pegá-los e não deixá-los soltos, pois dessa forma não se tornam suspeitos de portar o vírus.

Quando cheguei em Santa Cruz, um menino estava internado com suspeita do vírus. Uma semana depois ele faleceu. Uma pessoa que contrai a raiva, não consegue suportar a luz e os ruídos, por mais baixos que sejam e não consegue sobreviver na imensa e quase total maioria dos casos.

Aqui no Brasil, existem relatos de casos também em algumas áreas de desmatamento.

2 comentários:

sarina disse...

Luuuuuuuuuuuuuu!!! Adorei! Ótima idéia pra divulgar seu trabalho que é tão bonito mas que nem sempre temos a oportunidade de apreciar. Parabéns!!! Vida longa pro seu blog! Beijos e cheiros!

Ah, vale umas postagens corujas tb, tá? Doida pra ver uma foto atual de Pedrinho.hihihi

sarina disse...

Esqueci de dizer: maravilhoso o nome!